SJ TheDaily - шаблон joomla Форекс

Entrevista: Double Trouble e Alley falam acerca do EP "PLAGIIO"

No final desta semana contamos exactamente uma semana desde que a dupla Double Trouble (Walez & Flavinchi) se juntou a Alley para lançar um EP colaborativo entre os três com o nome "PLAGIIO".

Neste artigo, para além de relembrarmos o lançamento em questão, chamamos ainda a atenção ao facto de o projeto estar agora disponível nas variadas plataformas de distribuição digital. Isto significa que poderão ouvi-lo em streaming via Spotify ou adquirido em formato digital em lojas como a Google ou iTunes.

 Para além disso, tivemos ainda oportunidade de conversar com a tripla onde colocámos algumas questões relativas ao projeto em questão, assim como acerca do trabalho que tem produzido em conjunto ou de como começou esta jornada.

- De onde se conheceram e como começaram a unir forças para este lançamento?
Walez
: Conheço o Flavinchi desde os 16. Já nessa altura escrevíamos e tínhamos esse interesse em comum. Chegámos a ter outros grupos, como os Molécula Crew e os MK13. Há três anos atrás começámos a pensar num projeto nosso (Walez & Flavinchi) e foi assim que nasceram os Double Trouble.

Em 2016, no desenvolvimento da primeira mixtape "E Agora?", conheci o Alley na Etic. Rapidamente surgiu o interesse de ambos em trabalharmos juntos e apresentei-o ao Flavinchi. Começámos a fazer as primeiras experiências (muitas delas nunca saíram) até lançarmos o single “Não Sei” no verão do ano passado já como Double Trouble X Alley. No final de 2017, inicio de 2018 começámos a preparar o Ep "PLAGIIO".

- Uma semana após o lançamento do EP "PLAGIIO"  como tem sido o feedback do vosso público?
Flavinchi: 
O feedback tem sido óptimo. Têm-nos enviado mensagens muito positivas e esperamos continuar a corresponder ás expectativas do pessoal que nos segue.

- Planeiam lançar mais algum video dos temas que integram o EP?
Alley:
Não, consideramos o EP "PLAGIIO" fechado em termos de apresentação ao público. Mas temos novidades para breve com direito a videoclipe.


- O próximo projeto irá continuar a ser um colaborativo entre os três?
Walez: 
Sim, sem dúvida. Neste momento o Alley faz parte de Double Trouble, só não mudamos o nome para Triple Trouble porque achamos que já não faz sentido.

- Porquê "PLAGIIO"? 
Alley: Queríamos criar um conceito e não lançar um álbum em formato “playlist”.  "PLAGIIO" vem da nossa abordagem aos 7 pecados mortais. "PLAGIIO" é um acrónimo, cada uma das letras corresponde a um dos pecados mortais, daí ter 7 faixas. A capa é também uma obra alusiva a este conceito.

- Querem acrescentar algo ao que já foi dito acerca do vosso projeto ou alguma palavra para os vossos seguidores?
Flavinchi:
Queremos agradecer a toda a gente que nos tem acompanhado e que nos tem dado um apoio incondicional, e da nossa parte podem esperar novidades muito em breve com algumas colaborações pelo meio!


Da nossa parte, agradecemos aos Double Trouble e a Alley desde já o projeto sólido que acabam de lançar e que, na nossa visão os coloca sem dúvida nos vários nomes a seguir dentro do nosso movimento em Portugal. Um obrigado igualmente pela participação e colaboração com a nossa plataforma.

Newsletter

Subscreve a nossa newsletter